Página

quarta-feira, 20 de abril de 2011

O milionário presidente Lula

Por Villas-Boas Côrrea

Blog do Villas

Coisas da Política

O milionário ex-presidente Lula

Villas-Bôas Corrêa

Não levanto a poeira da suspeita, mas confesso que o queixo balança diante da súbita e explicável disparada do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva da pobreza da origem modesta para o paraíso da lista dos milionários, dos miliardários deste surpreendente país no período mágico em que as fortunas de pobretões da véspera irrompem no palco do Congresso e enriquecem do dia para a noite ou a madrugada como donos de fortunas respeitáveis, que nunca são conhecidas com a prova das contas bancárias e dos depósitos no exterior.
Do presidente Lula não há o que contestar. Mas, como não se conhece a fórmula para o enriquecimento da família, inclusive dos filhos bem nutridos, mas que não se expõem à malícia dos fuxiqueiros fica a dúvida.
Agora, não dá mais para esconder o cofre mágico: Lula ficou rico, cada vez mais rico com as palestras da agenda, a preços fantásticos, por todo o mundo.
E a sorte não o esquece: quando mais caro cobra por uma hora de conferência, seja improvisada ou com a ajuda de apontamentos, mais se aguça a curiosidade das platéias do mundo com esta lenda que pode ser vista a olho nu.
As sucessivas mudanças do presidente Lula do Palácio do Planalto para as casas em Brasília, São Paulo e São Bernardo do Campo foram divulgadas pelas redes de TV, fotografadas por jornais e revistas.
Caminhões em fila com móveis, malas, caixotes fechados, embrulhos.
Nada entretanto que substitua a suprema ventura do exercício do poder. Se a presidente Dilma não disputar a reeleição, o que parece improvável, Lula já antecipou o óbvio que será candidato. Aqui e acolá desconversa, alegando que já foi presidente por oito anos e que está muito feliz com a vida que leva, faturando milhões em palestras.
Um raciocínio de tal bom senso que até desperta as suspeitas de mais um manobra, tão transparente através da cortina do óbvio.

0 comentários:

Postar um comentário

Favor identificar-se.