Página

quinta-feira, 23 de julho de 2009

ISTO É UM PARTIDÁRIO DE ZELAYA. É A DEMOCRACIA DE BARACK HUSSEIN, CHÁVEZ E I...

via Reinaldo Azevedo | VEJA.com de Reinaldo Azevedo em 23/07/09

A canalha de Zelaya reage assim à Macha dos Cem Mil em defesa da paz e contra a volta do candidato a ditador

Acima, um partidário de Zelaya demonstra, numa rua de Tegucigalpa, o que entende por democracia… É só um escudeiro de Chávez e do candidato a ditador que foi deposto (Foto: El Heraldo.hn)

Um dia depois da Marcha dos Cem Mil de Honduras contra a volta de Manuel Zelaya ao país, partidários do ex-presidente paralisaram estradas e hospitais do Instituto HondurenHo de Seguro Social (IHSS) — é o SUS deles — e também setores do Hospital Escola. As consultas e as cirurgias foram suspensas, punindo, evidentemente, a população pobre.

As escolas públicas também amanheceram tomadas pelos sindicalistas, informa o jornal El Heraldo.hn, que, no início da semana, haviam anunciado a greve para quarta ou quinta. A obstrução das estradas se dá em vários pontos do país. Entre eles, está a saída de Tegucigalpa até o norte de Honduras, onde militantes da Confederação Unitária de Trabalhadores, a Central Geral de Trabalhadores e a Confederação dos Trabalhadores de Honduras mantêm paralisado o tráfego.

Tais ações são parte do Plano Caracas, criado por Chávez e anunciado por Zelaya, para levar o país ao confronto, o que, imaginam, facilitaria a volta ao país do candidato a ditador. A ordem dos dois delinqüentes é partir para o confronto com as Forças Armadas. Chávez quer o maior número possível de vítimas para caracterizar o governo provisório de Honduras como uma ditadura.

0 comentários:

Postar um comentário

Favor identificar-se.